O que o COVID-19 nos trouxe de bom? (02.04.2020)

Publicado por

Será que dá pra encontrar algo positivo em uma pandemia que mudou a vida do planeta?

O isolamento social paradoxalmente, gerou reaproximação de famílias. Explico; o ritmo acelerado, necessidade de produzir, produzir, aumentar faturamento etc etc, fez com que pais, por uma questão cultural e depois mães, abandonassem seus espaços familiares, em busca de mais salários. Filhos entregues às babás de carne e osso, ou a princípio à babá virtual (televisão), depois uma babá mais moderna (tablet), e mais outra(smartphone).

Pais e mães saindo cedo, sem tempo do simplório almoço em família, ou jantar em família, saindo para almoçar juntos, permaneciam distantes, cada um eu seu “smartmundo”.

Me desculpe se você odeia religião, principalmente se acha uma bobagem a teoria criacionista. Mas digamos que o nosso criador, tenha parado pra dar uma olhada em sua criação. Após uns poucos minutos, enxerga seus filhos (a humanidade), cada um isolado em casulo high-tech. – Acho que vou provocá-los – Pensa o criador. Acho que vou espalhar em todo planeta, um ser que os obrigue a pensar, em suas fragilidades e necessidades de rever valores; perceber que o dinheiro, poder, vaidade, são nada diante de algo tão minúsculo. Talvez estes seres – Continua o criador – aprendam a lição. Talvez de nada adiante, afinal há mais de dois mil anos mandei meu próprio filho pra explicar o sentido da vida e eles fizeram o que fizeram.

Pode ser só uma maluqueira da minha cabeça em tempos de confinamento.

Mas imagens, que aliás, não são viralizadas mostram famílias, mesmo mantendo a distância, em experiência há muito esquecidas. Não quero ser pessimista, mas se nestes próximos dezoito meses, aparecer a vacina, o planeta volta ao normal, como se nada tivesse acontecido: Cada um na sua, e o resto que se dane futebol clube. Quem sobrevier, verá.

A música abaixo, ratifica o que tentei dizer nas palavras acima. Talvez você se toque, ou não…

Um comentário

  1. Dias atrás vi este post, e hoje deparei-me com ele mais uma vez, curiosamente alguém compartilhou ele em um grupo de Whatsapp que faço parte, fiquei muito feliz e orgulhosa desse blogueiro; já com os cabelos orvalhados, coração de menino….pensamentos “gigante” impressos com a alma e o coração….
    Parabéns blogueiro, esse texto é tão você que não quis comentar para não parecer clichê, basta lê-lo para saber a autoria….
    Bem, mas…já que vim aqui, peço licença para falar; faz todo sentido o que você escreveu, longe de qualquer loucura ou maluquice, talvez….o CRIADOR não fizesse tamanho sacrifício com as suas criaturas, ele não mandaria um ser para destruir a humanidade, embora tenha feito o grande sacrifício de entregar o seu único filho para nos salvar…..Agnus Dei(CORDEIRO DE DEUS).
    O profeta Isaías escreveu…..”Mas, de fato, ele foi transpassado por causa de nossas próprias culpas e transgressões, foi esmagado por conta de nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz caiu todo sobre ele, e mediante suas feridas fomos curados. Em verdade todos nós, tal como ovelhas perdidas, andamos errantes, cada ser humano tomou o seu próprio caminho, e o Eterno fez cair sobre Ele á iniquidade de todos nós. Ele foi maltratado, torturado, contudo não abriu a sua boca; agiu como um CORDEIRO levado ao matadouro; como uma ovelha que permanece muda na presença de seus tosquiadores ele não expressou nenhuma palavra”………………………………
    Deixei essa passagem….Talvez os meios justifique os fiz; sabendo que jamais nosso CRIADOR nos daria tamanha provação….mas quem sabe depois desse encontro…..não nos percamos de novo!!!!!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.