violência na pandemia. (21/04/2020)

Publicado por

Mulher vítima de violência escreve pedido de socorro com batom em toalha e joga pela varanda em SC

Caso ocorreu em Chapecó, no Oeste, onde casos aumentaram com isolamento social provocado pelo coronavírus. No restante do estado, números desse tipo de violência diminuíram.

Fonte : NSC TV e G1 SC


00:00/02:26

Número de ocorrências de violência contra mulher cresce em Chapecó

Número de ocorrências de violência contra mulher cresce em Chapecó

Em Chapecó, no Oeste do estado, o número de casos de violência contra a mulher aumentou com o isolamento social de prevenção ao novo coronavírus. Em uma das situações, a vítima escreveu um pedido de socorro com batom em uma toalha e jogou pela janela. Um vizinho encontrou e chamou a Polícia Militar.

“Segundo a vítima, o marido chegou 2h30 da madrugada bem alterado. Segundo ela, o marido teria pegado ela pelo pescoço, tentado estrangular, seriam essas as agressões, e também ameaçado ela com duas facas. E ele teria escondido a chave do apartamento, trancado o apartamento e escondido a chave e o celular dela”, relatou o sargento Aérikison Rifam, da Polícia Militar.

Mensagem 'SOS ap 203' escrita com batom em toalha — Foto: Reprodução/NSC TV
Mensagem 'SOS ap 203' escrita com batom em toalha — Foto: Reprodução/NSC TV

Mensagem ‘SOS ap 203’ escrita com batom em toalha — Foto: Reprodução/NSC TV

De acordo com a Delegacia de Proteção à Criança ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCami) de Chapecó, os dados de ocorrências contra a mulher cresceram em relação ao ano passado.

Em março de 2019, por exemplo, foram 138 casos de ameaça, contra 162 em 2020. As lesões corporais subiram de 24 para 62.

“A ocorrência de maior vulto com certeza é a ameaça. Mas tem também agressões físicas, violência psicológica, moral. E muitas vezes a mulher não tem nem sequer ciência de que aquilo pode constituir um crime, uma violência”, disse o delegado José Airton Stang.

Números estaduais

No estado, porém, o período de quarentena trouxe redução no índice de violência contra a mulher. Dados da Secretaria de Segurança Pública mostram que os números de ocorrências de violência doméstica e feminicídios caíram.

Em relação aos feminicídios, neste ano foram 16 entre 1º de janeiro e 6 de abril, contra 18 no mesmo período de 2019.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, o que pode estar acontecendo é uma dificuldade das mulheres para registrar a ocorrência, já que, por conta do isolamento, muitas estão convivendo 24 horas por dia com o agressor.

Pensando nisso, a Polícia Civil lançou uma campanha, lembrando os canais de denúncia: os telefones 100 e 181 e o site da delegacia virtual. Já a Polícia Militar pode ser chamada pelo telefone 190 ou pelo aplicativo.

Um comentário

  1. …..Tem hora que bate uma tristeza tão grande, que eu não sei o que fazer e nem para onde ír…eu choro…
    Oi blogueiro, quando a tristeza bate, abala a esperança, perdemos a calma, ficamos reféns de nossas emoções…perdemos o fio da meada e seguimos atrás do recomeço…..
    E em meio a tantos acontecimentos triste, buscamos conforto nas palavras, nas atitudes, no olhar…
    Parafraseando Camões, escrevo que “”O amor é fogo que arde sem se ver, é ferida que dói, e não se sente, é um contentamento descontente, é dor que desatina sem doer. É um não querer mais que bem querer, é um andar solitário entre a gente, é nunca contentar-se de contente, é um cuidar que ganha em se perder.
    É um estar preso por vontade, é servir a quem vence, o vencedor. É ter com quem nos mata, lealdade. Mas com causar pode seu favor nos corações humanos e amizade…se tão contrário a si é mesmo Amor??””
    Quantas linguagens tem o amor!!!….O amor não machuca, não maltrata, não fere, não mata…o amor acalma, acolhe a alma. Não existe lágrimas de dor, gritos de terror, muito menos pancadas de amor….Existe olhos a contemplar, braços e acalento, mãos e afagos, suspiros com os pensamentos. É respeitar o tempo do outro, confiança no caminho…é caminhar juntos em estradas separadas, sair das armadilhas, e não se perder nos desvios e no compasso formar os laços, sem nos prender nos nóis….é guardar em um potinho……Ambiguo e Dual, basta entender o que é o Amor!!!!!!
    #Fica em casa#

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.